Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Entenda a Palavra de Deus

Entenda a Palavra de Deus

BEZERROS DE OURO

No meio evangélico, principalmente entre os neo-pentecostais, está sendo oferecido um substituto para o Deus bíblico: o Deus “coisificado” dos objectos ungidos.

O Deus bíblico está sendo, literalmente, trocado por “coisas”: os objectos ungidos. Os objectos ungidos estão sendo apontados por muitos líderes evangélicos, de uma forma bastante subtil, como a solução de toda e qualquer adversidade.
Actualmente, não há mais necessidade do Deus bíblico dentro de várias igrejas neopentecostais:
Está com alguma tribulação? Basta comprar a água ungida, cujo pingo é capaz de mudar a história da sua vida.

O detalhe que vale a pena salientar é o seguinte: Para você adquirir um galão desta água ungida, você terá de desembolsar uma “ofertinha” que vai de cem a mil reais.
Você precisa de um milagre na sua vida? Então adquira o “manto dos milagres”. Detalhe: para você ter este manto milagroso, será necessário adquirir, também, o “carnê dos milagres”, para que você “plante” uma oferta de cem reais mensalmente.
Quer passar em concurso público? Estudar pra quê? Não precisa estudar; basta adquirir a “caneta ungida”.
Você precisa de uma benção de Deus? Então, deixe um líder de uma igreja neopentecostal enxugar o próprio suor com uma toalha sua e pronto: a toalha com sudorese (suor) trará a presença do homem de Deus para sua vida. Detalhe: a presença que muda a vida de alguém não é a de Deus? Vá explicar isto aos idólatras evangélicos que estão em peso nas igrejas neopentecostais.
É uma lista interminável de objetos ungidos que estão a disposição dos idólatras, digo, evangélicos de várias igrejas neopentecostais, senão vejamos:
• Água Ungida.

• Almofada dos Sonhos.

• Cajado Ungido.

• Caneta Ungida.

• Carnê dos Milagres.

• Chave Ungida.

• Fita Ungida.

• Fogueira Santa.

• Gruta dos Milagres.

• Lenço Ungido.

• Livro das Conquistas.

• Manto dos Milagres.

• Martelo da Justiça.

• Meia Ungida.

• Óleo Ungido.

• Rosa Ungida.

• Sabonete Ungido.

• Sessão do Descarrego (Isto não é coisa de centro espírita?).

• Toalha com Sudorese.

• Etc...
Tem “bezerro de ouro” de todo tipo. É só escolher.
As pessoas estão sendo condicionadas a buscarem a suposta solução de seus problemas através destes “objectos ungidos”, que não exigem nenhuma forma de mudança de vida: quando alguém está com algum problema ou quando precisa de uma benção especial, basta comprar um “objecto ungido” e pronto... As coisas se resolverão como por um passe de mágica, não exigindo mudança de vida alguma. Com isso, as pessoas não experimentam o verdadeiro arrependimento, não se convertem e não terão um encontro pessoal com Jesus como Senhor e Salvador. A Bíblia diz que o Senhor habita em corações contritos e sem arrependimento não há conversão e sem conversão não há salvação.
E no final das contas, quem é que está se alegrando com tudo isto? Os “ungidos do Senhor” que estão ficando com o bolso cheio, com o comércio destes objectos ungidos e Satanás, que não quer que as pessoas se convertam a Cristo.
É pessoal, este é um raio-X de grande parte das igrejas neopentecostais brasileiras. E você, vai continuar agindo como se nada estivesse acontecendo? Você é quem sabe. Mas, saiba que as igrejas neopentecostais estão se transformando, aos poucos, numa “Sinagoga de Satanás”.

Eu prefiro servir ao Deus bíblico e “botar a boca no trombone”, como um atalaia do Senhor. Se este “Deus coisificado”, propagado por muitas igrejas neopentecostais, que não traz salvação alguma, for o suficiente para você, por mim tudo bem. A escolha é sua. Eu só sei de uma coisa: Eu e a minha casa serviremos ao Senhor. Espero que tenham gostado deste breve texto e até a próxima oportunidade, se Deus assim quiser. 

 

      
Este artigo foi enviado por bereshit, fonte: adonayhuhaelohim.blogspot.com.br

À PROCURA DE MILAGRES

Uma geração má e adúltera pede um sinal, e nenhum sinal lhe será dado, senão o sinal do profeta Jonas. 

Mateus 16:4

"A salvação não procede do recebimento da cura física ou de a contemplar; a salvação vem por meio do ouvir e crer no Evangelho (Rm 10:17).

No decorrer dos séculos, o dom de curar tem sido reivindicado tanto por cristãos como por pagãos. Historicamente, a Igreja Católica Romana encabeça a lista dos grupos que alegam possuir poder de curar. Ela tem realizado curas com o auxílio dos ossos de João Baptista, de Pedro, fragmentos da cruz e com frascos contendo o leite de Maria. Lourdes, um santuário em França, é supostamente a localidade de inúmeras curas milaculosas. Medjugorje, na Jugoslávia, atraíu mais de quinze milhões de pessoas em menos de uma década. São pessoas à procura de milagres ou curas devido à suposta aparição da Virgem Maria a seis crianças, em 1981. (Em Fátima eram três as crianças...)

Os curandeiros orientais que usam poderes psíquicos dizem-se capazes de realizar "cirurgias sem sangue". Impõem as mãos sobre os orgãos afectados e pronunciam encantamentos. Pessoas são supostamente curadas.

Bruxos e xamãs alegam até o poder de ressuscitar mortos. Ocultistas usam magia negra para realizar prodígios de mentira nas artes da cura. Mary Baker Eddy, criadora da Ciência Cristã, afirmava ter curado pessoas por telepatia. Por meio de curas fraudulentas, Satanás sempre tem mantido pessoas sob o seu domínio. Raphael Gassom, ex-médium espírita, convertido a Cristo, afirmou: "Existem hoje muitos espíritas favorecidos com esse notável dom de poder, dado por Satanás. Eu mesmo, tendo sido usado dessa maneira, posso testemunhar a ocorrência de curas miraculosas nas "reuniões de cura" do espiritismo. (John MacArthur)

 

A realidade dos nossos dias é que, muitas denominações que se afirmam cristãs, igrejas de Jesus Cristo, nada mais fazem que aliciar as pessoas com milagres...

"Venha receber um milagre"! "Dê tudo o que você puder e receba um milagre de Deus"! "Tem problemas financeiros? Venha, dê tudo o que tem e Deus te dará dez vezes mais" "Dê, Deus te devolverá (com juros)"! E nem vou falar aqui da venda de "amuletos cristãos"...

ISTO NÃO É EVANGELHO! Isto é comércio desonesto. Eu rejeito qualquer ensino que, em detrimento do Evangelho, pregue os milagres na igreja como forma de chamar e converter as pessoas!

Se as pessoas não forem convertidas pela pregação do Evangelho que produz profundo arrependimento, não passam de marionetes nas garras de Satanás achando que podem negociar o que quer que seja com Deus. Deus, o Senhor Soberano Todo-Poderoso, não vende milagres, não Se exibe pra nos convencer nem age conforme a nossa vontade ou necessidade. Ele é Soberano! Ele pode compadecer-se e compadece-se diáriamente! Mas Ele não é um curandeiro que dá "Shows de cura" para nos satisfazer. É verdade que milhões de pessoas inteligentes continuam a recorrer a esses "milagreiros" por causa do desespero que, de modo geral, acompanha a doença. A enfermidade pode levar as pessoas a fazerem coisas extremas que, em outras situações não fariam. Pessoas que por norma são racionais, inteligentes e equilibradas, tornam-se irracionais e submetem-se a tudo pela cura. Satanás sabe disso e é por essa razão que ele disse: Pele por pele, e tudo quanto o homem tem dará pela sua vida. Jó 2:4

Acredito que DEUS CURA! Sem dúvida Ele cura, ontem, hoje e até à volta de Jesus Cristo. Ele cura em resposta à oração, a fim de revelar Sua glória. Mas, existe uma grande diferença entre as curas realizadas nos dias de Jesus e dos discípulos e as "curas" oferecidas hoje na televisão, no rádio, nas correspondências e nos púlpitos. Um exame rigoroso e humilde das Escrituras ressalta perfeitamente a diferença.

 "Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos."

Mateus 24:24


Maria Helena Costa

ROLETA BÍBLICA

"Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade." 2 Timóteo 2:15

Ignorando esta advertência, muitos "carismáticos" tratam a Bíblia de forma indiscriminada... a começar por mim, que durante anos agi (passado) assim.

Buscando "uma palavra do Senhor", alguns brincam à "roleta bíblica" abrindo ao acaso as páginas da Escritura, procurando algo, tipo "porção mágica", que se aplique à provação ou necessidade pela qual estão passando. Quando acham um versículo que parece encaixar-se, dizem: "O Senhor deu-me um versículo!"

Esta não é a maneira correcta de lidarmos com a Bíblia. Talvez já tenha ouvido a história de um homem que, procurando orientação para uma decisão importante, resolveu fechar os olhos, abrir a Bíblia, pôr ali o dedo e receber orientação do versículo sobre o qual ele estivesse pousado.

A primeira tentativa levou-o a Mateus 27:5 _ "Retirou-se e foi enforcar-se".

Pensando que o versículo sobre o qual o seu dedo pousara não lhe era de todo proveitoso, decidiu ignorá-lo e tentar de novo. Desta vez, o dedo pousou em Lucas 10:37, destacando as palavras de Jesus: _ "Vai e procede tu de igual modo".

Indisposto e quase a desistir, o homem tentou mais uma vez. Quando abriu os olhos, o seu dedo estava pousado em João 13:27 _ "O que pretendes fazer, faze-o depressa".

Claro que esta história pode ser falsa... mas retrata um facto importante: procurar nas Escrituras qualquer significado além do seu contexto histórico, gramatical e lógico, é imprudente e potencialmente perigoso. É claro que qualquer pessoa pode dar consistência a qualquer idéia ou ensino contido nas Escrituras, se empregar como prova textos à parte de seu significado intencional. É desta forma que muitas seitas usam as Escrituras para estruturar suas falsas doutrinas.

A tarefa da hermenêutica consiste em determinar o significado de um texto em seu próprio contexto _ obter o significado da própria Escritura, sem introduzir nele as pressuposições de alguém.

A importância de interpretação bíblica diligente jamais será demasiadamente enfatizada. Interpretar a Bíblia de modo errado não é, em última análise, melhor do que não crer nela. Que proveito há em concordar que a Bíblia é a revelação de Deus, final e completa, e, depois, interpretá-la de modo errado?

O resultado é o mesmo: o interprete fica aquém da verdade de Deus. Interpretar a Escritura para que ela diga o que jamais tencionou dizer é um caminho certo para a divisão, o erro, a heresia e a apostasia.

 

 


Texto retirado do Livro:

O Caos Carismático

John MacArthur